Movimentos de saia para Dança Cigana Artística

Olá, pessoal!

Já faz bastante tempo que estou devendo esse vídeo 🙂

Ele traz dicas de movimentos de saia para Dança Cigana Artística. São movimentos bem simples para quem quer começar a fazer dança cigana ou pra quem está no comecinho do aprendizado.

Apesar de parecerem bem simples, realizar os movimentos bem arredondados e bem amplos faz muita diferença no bailado. Por isso, treine bastante.

Ah! Se você ainda tem dúvidas sobre que tipo de saia usar, dê uma olhadinha no nosso texto com dicas para escolher sua saia cigana ;). 

A câmera não tem a qualidade que eu gostaria, mas pelo menos as dicas estão aí. Em breve faço um novo vídeo e avançamos no bailado 🙂

Espero que gostem!

Grande beijo!

Brigitte Angel

 

Dança Cigana de desafio com punhal

Há um grande fascínio em torno do povo cigano, suas danças e seus costumes. Muita dessa curiosidade e mistério vêm do fato de os ciganos terem sido excluídos do convívio de não ciganos por muito tempo. E dai surgiram diversas lendas, histórias, causos…

cigana-3Entre tantos esteriótipos que existem, os ciganos são muito lembrados pela alegria, pela sensualidade, mas também por serem um povo bravo, guerreiro. E por isso as danças de desafio e de punhal encantam tanto. Continuar lendo

Dança Cigana romântica e com rosa

cigana-61Como os ciganos se espalharam pelo mundo, há diversos estilos de dança, cada uma com características do lugar de origem, com movimentos diferentes, e roupas e adornos específicos, como a russa, a húngara, a indiana.

No Brasil, a dança cigana de origem espanhola é a que mais faz sucesso, com forte influência da Rumba Catalana. No entanto, aqui também se desenvolveu um outro estilo a partir dessas influências e com um toque do imaginário popular brasileiro. Atualmente, esse estilo tem sido chamado de “Dança Cigana Artística” por diversas dançarinas, e mesmo esse modo de bailar tem algumas vertentes. Hoje iremos falar da Dança Cigana Artística Romântica. Continuar lendo

As trocas dos ciganos

Bandeira cigana: a roda que não para

Bandeira cigana: a roda que não para

Entre os ciganos tudo se troca. Por isso, pelo conhecimento de um oráculo, sempre temos que pagar de alguma maneira. E quando aprendemos algo, também ensinamos outra coisa. Quando se ganha um presente, se dá outra coisa… nem que seja uma festa! E assim, a energia entre os ciganos nunca está estagnada, mas sempre em movimento, como a roda da carroça.
Continuar lendo

Workshop Dança Cigana romântica e com rosa

Cigana com flor (1)Ao longo dos séculos os ciganos desenvolveram suas danças e, como povo nômade, possuem influências dos diversos lugares por onde passaram. Além das técnicas de dança e da beleza dos ornamentos de seus dançarinos, o que mais atrai nesse bailado é o seu mistério – o olhar, os movimentos, a intensidade das emoções… isso ocorre porque os ciganos não dançam apenas com o corpo. Dançam com a alma. E nada como ver uma bailarina que consiga expressar o romance em seu bailado cigano.
Continuar lendo

Bailado cigano com Punhal

O punhal é um elemento muito importante na cultura e na dança cigana.

Punhal CiganoAssim como muitas mulheres que celebravam o sagrado durante a Idade Média foram condenadas como bruxas, também os ciganos sofreram muitas perseguições por ter conhecimentos esotéricos. Bruxos, feiticeiros, sacerdotes, ciganos… todos tiveram que adaptar seus cultos para que não fossem presos. A maioria passou a utilizar elementos do dia a dia em seus rituais e os transformaram em mágicos. Muitos usavam caldeirão e colher, outros, como ciganas e ciganos, passaram a usar o punhal e a adaga. Por isso, devemos escolher nosso punhal cigano com muito carinho. Afinal, com ele faremos mais do que danças – faremos rituais.
Continuar lendo

Workshop Dança e Punhal Cigano

Boa notícia pra quem mora na Zona Leste e gosta de Dança Cigana!

Dia 31 de janeiro faremos mais um workshop – Dança e Punhal Cigano

As danças ciganas podem ser lúdicas ou ritualísticas. Na dança ritual, o punhal é usado para realizar curas e magias. A maneira de se trabalhar pode variar a cada clã ou família, mas geralmente mentalizamos as forças da natureza e fazemos movimentos que evocam os quatro elementos, de acordo com o que se deseja.

No workshop do dia 31 de janeiro, a professora Brigitte Angel levará a beleza e o mistério da Dança Cigana, trabalhando:
Continuar lendo