Dica de música: Rumba Portuguesa

Não há registros precisos de quando os ciganos chegaram em Portugal. Embora documentos falem sobre a presença do povo nômade em 1510, é provável que estivessem ali há mais tempo, pois em 1493 os ciganos já habitavam Madri, na Espanha. 

Geralmente andavam em grandes grupos, de 80 a 150 pessoas, lideradas por um homem. Para garantir a autorização de sua entrada em um vilarejo, diziam que eram cristãos peregrinos à procura da proteção de um nobre. Aceitos, logo causavam grande fascinação e medo na população devido às suas roupas e costumes diferentes, cores e perfumes. Viviam de apresentações de espetáculos circenses, de dança e de adivinhações do futuro. Com isso, passavam a ser associados às práticas pagãs que ainda eram proibidas especialmente na Península Ibérica católica, fortemente marcada pela Inquisição.

Embora a música cigana espanhola seja mais conhecida no Brasil, os ciganos portugueses também criaram um estilo musical próprio. Tocadas principalmente com teclado, são chamadas em Portugal de “órgãos” ou “toques”. Na Espanha, esse estilo ficou conhecido como “Rumba Portuguesa”. Entre os ciganos, é muito comum ser tocada em casamentos, devido ao seu ritmo alegre e sua dança sensual. Nas festas, as ciganas costumam usar saias justas e não é raro vê-las de mini-saia ou até mesmo de calça. Saltos altos completam o visual. 

Entre os cantores mais famosos, está o Xano, que gravou oito álbuns até chegar ao grande reconhecimento em 2007, com a música “Dormi na Praça”, regravação dos brasileiros Bruno e Marrone, de 1994. No entanto, no mesmo ano, o cantor sofreu um acidente que o levou à coma. Apesar de ter ficado quase sem sequelas, Xano ficou surdo, e com isso não conseguiu mais se afinar e interrompeu sua carreira musical. Deixou enorme saudade entre os portugueses, e até hoje é lembrado como o melhor cantor cigano do país.

Brigitte Angel

Anúncios

Um comentário sobre “Dica de música: Rumba Portuguesa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s